Região tem dois casos suspeitos de Coronavirus


No início da tarde desta sexta-feira, 13, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde, o Comitê Covid19 concedeu entrevista para a imprensa erechinense. Com a presença do Secretário Dercio Nonemacher, Médico Infectologista Vanderlei Madalozzo, Diretor da Vigilância Sanitária Aldo Diligente e Enfermeira Luciana Grandene, foi abordado o tema Coronavírus.

As pessoas que viajaram para regiões onde se disseminou o Covid-19, principalmente a Europa e ao retornar apresentarem sintomas devem procurar as Unidades Básicas de Saúde. Conforme o Secretário a UBS é a porta de entrada do sistema. Não se deve procurar o Hospital e sim as Unidades Básicas de Saúde, que estão seguindo um protocolo pré-estabelecido e essa campanha vem sendo feita desde 30 de janeiro, através da Delegacia Regional de Saúde, Secretaria Municipal de Saúde, instituições de saúde do município e também os hospitais.

O Secretário informou que hoje temos uma realidade um pouco diferente. O comitê vem monitorando a situação em nossa cidade efetivando algumas ações. A Secretaria Estadual de Saúde solicitou a elaboração de um plano de contingência para nossa região. O plano já está pronto e contempla o que será feito a partir de um possível surto em nosso município. Qual a estrutura de saúde que possuímos, em termos de Unidades Básicas, leitos, respiradores, etc. para agir se for necessário.

Casos Suspeitos

No momento em Erechim existe 01(um) caso suspeito. A situação é de uma paciente, do sexo feminino, jovem que esteve viajando por vários dias aos Estados Unidos. O quadro sintomático dela é bem leve, mas em virtude da atual situação de pandemia, foi enquadrado como um caso suspeito. Foi realizada a coleta de material e enviado ao laboratório referência, que é o LACEN em Porto Alegre e no máximo em 48 horas será conhecido o resultado. Conforme a Enfermeira Luciana Grendene em jovens e crianças o risco de adquirir o Coronavírus é mínimo. As pessoas que apresentarem os sintomas devem preservar os idosos, pois eles são mais suscetíveis a adquirir o novo Covid19. Esse tipo de infecção diferente do H1N1, o risco é maior na Terceira Idade.

Em relação ao paciente, um homem do município de Paulo Bento, a situação é de que ele foi atendido na FHST, a equipe coletou o material para exame em laboratório e o caso também é tratado como suspeito. O paciente foi orientado a retornar para sua residência, por ser um quadro leve e ficará em isolamento domiciliar (quarentena).

O Comitê informou que não existe motivos para pânico. As orientações a população é que se sentir febre, tosse e dificuldade para respirar, procure uma das UBS. A bem da verdade, distinguir a infecção pelo novo Coronavírus de uma gripe só com base nos sintomas é impossível.

O Comitê informou que nesse momento a prevenção é o mas o mais importante. Devem ser observadas as etiquetas de higiene recomendadas pelo Ministério da Saúde.

© 2018 Virtual FM 104.7 - Sociedade Rádio São José LTDA