top of page

Hospital Santa Terezinha recebe novos equipamentos


A Fundação Hospitalar Santa Terezinha (FHSTE) é uma Casa de Saúde que atende prioritariamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), sendo referência para 33 municípios da área de abrangência da 11 CRS e 15 municípios da 2 CRS, em virtude dos serviços da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON) Para qualificar seus serviços disponibilizados à comunidade usuária do sistema público, sempre que viável e dentro das suas possibilidades financeiras ,o hospital vem adquirindo equipamentos, através de recursos vinculados e específicos para aquisição de equipamentos e mobiliários. Recentemente foram adquiridos e instalados quatro refrigeradores para laboratório, específicos para acondicionamento de medicamentos e insumos que necessitam, por recomendação do fabricante, armazenamento em local com temperatura rigorosamente controlada. Os refrigeradores foram instalados na Farmácia Central e na Farmácia da Oncologia, para substituir equipamentos antigos e, com isso, prover o setor de tecnologia e de acordo com as recomendações técnicas, considerando que os equipamentos antigos eram geladeiras convencionais. Os refrigeradores de laboratório possui mecanismos e ferramentas exclusivas para auxiliar na alta performance dos trabalhos. Inclusive possuem sistemas próprios que mantém o equipamento em condições de uso com segurança em períodos de queda da energia, o que é recomendado para os insumos que ficam acondicionados em temperatura controlada, provendo qualidade e segurança. O hospital investiu mais de R$ 45 mil, através de recursos de emenda parlamentar do deputado federal Henrique Fontana (PT), sendo que cada refrigerador custou R$ 11.310,00. De acordo com o diretor Executivo da Casa de Saúde, Jackson Arpini, após vencidos os trâmites licitatórios, os equipamentos foram entregues, atendendo o objetivo único de qualificar os serviços ofertados pela Santa, neste caso, na área da assistência farmacêutica, uma importante área da Atenção Terciária, pela sua relação direta com a assistência. “Estamos concentrando esforços na busca de recursos para auxiliar no custeio. No mês de fevereiro e março enviamos ofícios para todos os deputados e senadores eleitos, no sentido de angariar recursos via emenda parlamentar, muitas delas, quando específicas, são utilizadas para aquisição de equipamentos desta natureza, entre outros. Temos que atuar em várias frentes, entre elas, a substituição gradativa de alguns equipamentos antigos, para tanto as irmandades são fundamentais. Somos uma Casa SUS e precisamos firmar parcerias”, disse Jackson Arpini.

--

Comentarii


bottom of page