Escola da URI desenvolve projeto "Curioso sou, investigar eu vou"

As crianças do nível III foram desafiadas a pensar sobre as curiosidades que mais lhes despertavam interesse



O período da infância é marcado por descobertas, investigações, desafios e questionamentos. As crianças despertam sua curiosidade desde os primeiros momentos de vida, quando seus olhinhos brilham buscando descobrir o novo mundo ao seu redor. Na medida que vão crescendo, o desejo de aprender aumenta também. Ser curioso é algo inerente ao ser humano e faz com que seja possível realizar levantamento de informações, criar hipóteses, fazer experimentos e investigar diferentes temas para construir novas aprendizagens significativas.


Pensando nisso, as turmas do Nível III, da Escola de Educação Básica da URI, desenvolveram o projeto “Curioso eu sou, investigar eu vou!”. Durante o desenvolvimento da iniciativa, coordenada pelas professoras Emily Fernanda Castanho, Estela Maris Munaro Bruschi e Maiara Fernanda Fusinatto, as crianças foram desafiadas a pensar sobre as curiosidades que mais lhes despertavam interesse, tais como: “Pra onde o sol vai quando chega a noite?”; “De onde vem a chuva?”; “Como fazer neve?”; ”De onde vem a pipoca?”; “Como a aranha faz sua teia?”; “De onde vem o algodão-doce?”; “Como se faz o chocolate?”; entre outras tantas perguntas.


Tudo isso foi motivado a partir da visita surpresa de um cientista maluquinho e muito especial, o Sr. Sabidão. Com sua ajuda, as crianças puderam vivenciar momentos de muito aprendizado por meio de experiências científicas e descobertas divertidas.

A iniciativa oportunizou aos alunos vivências e atividades lúdicas, através das quais puderam observar, brincar, jogar, interagir e aprender, realizando suas próprias descobertas e constatações, explorando este mundo imaginário.


Dentre as atividades desenvolvidas, as crianças puderam se desafiar para descobrir de onde vem a chuva, utilizando água quente e gelo; criar neve artificial com cristais de fralda descartável e água; fazer seu próprio algodão-doce; ver o milho se transformar em pipoca; aprender sobre o cacau e provar vários tipos de chocolate; além de solucionar desafios sobre teias de aranha. Foram momentos de muito aprendizado, especialmente pela participação do Sr. Sabidão que tornou a ação ainda mais interessante.