Erechim começa a vacinar adolescentes com 17 anos completos

A Secretaria Municipal de Saúde informa que entre as faixas etárias dos 12 aos 17 anos, o município registra aproximadamente cerca de mil pessoas em cada uma dessas faixas, ficando em torno de seis mil adolescentes a serem vacinados.



A partir desta quinta-feira (16), a Prefeitura de Erechim, através da Secretaria de Saúde, estará vacinando contra a Covid-19 os jovens com 17 completos ou mais e que não tenham comorbidades, de acordo com orientação do Plano Nacional de Imunização, exclusivamente na Central de Vacinação, que funciona de segunda a sábado.

Além disso, foi decidida a antecipação da dose de reforço (terceira dose) para o grupo dos idosos acima de 70 anos. Inicialmente, o reforço será para idosos institucionalizados de 70 anos ou mais que vivem em Instituições de Longa Permanência (ILPI). Nesses casos, as equipes de saúde irão até o local para vacinar esse público, não sendo necessário o deslocamento até a Central.


Conforme explica o prefeito de Erechim, Paulo Polis, está comprovada que a vacinação é a melhor maneira de conter o avanço da Covid-19 e suas variantes. “A dose de reforço para os idosos é fundamental para que eles fiquem mais protegidos contra a doença. Ainda, poder avançar na vacinação dos jovens é algo que nos dá muita esperança de que vamos superar a pandemia. Nesse momento, e com o quantitativo de doses que recebemos, podemos abrir somente para a faixa etária dos 17 anos. Porém, conforme formos recebendo mais doses de vacinas vamos ampliando as idades até chegarmos nos 12 anos, conforme preconiza o Ministério da Saúde”, declara o prefeito.

A pasta da Saúde informa que entre as faixas etárias dos 12 aos 17 anos, o município registra aproximadamente cerca de mil pessoas em cada uma dessas faixas, ficando em torno de seis mil jovens a serem vacinados.

Local

A vacinação acontece na Central de Vacinação que fica localizada na Rua Júlio Trombini, 634, Bairro Três Vendas, antiga Fundação Cotrel. Das 8h às 17h (de segunda a sexta-feira) e das 8h às 14 (no sábado).

Documentação

- Comprovante de residência

- CPF

- Identidade

- Cartão do SUS

- Carteira de vacinação

--