top of page

Equilíbrio financeiro do município garante 12% do orçamento em investimentos

É com equilíbrio econômico-financeiro das contas públicas, transparência, eficiência dos serviços públicos, investimentos em áreas estratégicas, gestão humanizada, que a Prefeitura de Erechim avança. Essas são algumas das metas do município, que investiu 12,68% do orçamento de 2023, percentual aplicado por poucas prefeituras do Brasil, com capacidade alta de fazer investimentos, e fechou o referido ano com aumento na arrecadação, segundo dados do Relatório de Gestão Fiscal do 3o quadrimestre de 2023, apresentado quarta-feira (28), na Câmara de Vereadores de Erechim, pela Prefeitura de Erechim, por meio da Secretaria da Fazenda e Planejamento.

O prefeito de Erechim, Paulo Polis, traduziu os números do orçamento em serviços e ações entregues à população nos 12 meses de 2023.

Saúde pública

O prefeito Polis iniciou com as últimas entregas realizadas para a saúde pública no Hospital Santa Terezinha, que recebeu um novo mamógrafo, torre de vídeo para o bloco cirúrgico e colocou em funcionamento uma usina solar fotovoltaica para reduzir custos.

“O Santa Terezinha recebeu mais de R$ 14 milhões de recursos da prefeitura, o que dá em média R$ 200 por pessoa, considerando os 70 mil erechinenses que utilizam este grande plano de saúde pública. O Santa fez, em 2023, mais de 276 mil atendimentos; mais de 13 mil cirurgias, média de mil por mês; realizou mais de 79 mil atendimentos no Pronto Socorro; e, mais de 726 mil exames laboratoriais. Temos 13 UBS e mais o Santa atendendo a população. Estamos entregando muito”, ressalta o prefeito Polis.

Fiscal

O prefeito Polis destacou que o município está na 32ª posição no país em sustentabilidade fiscal, subiu 23 pontos em relação ao último levantamento feito pelo Ranking de Competitividade dos Municípios 2023. “Nossa meta é sempre reduzir custos, com a modernização da gestão pública, e ampliar as receitas investindo os recursos públicos em obras e serviços que movimentem a economia, qualificando pessoas e empreendimentos, fomentando a atividade empresarial, gerando novas empresas, empregos e renda, promovendo o desenvolvimento social e econômico”, explica o prefeito Polis.

“Outro dado importante foi o aumento nas receitas próprias de 8,90% de 2022 para 2023, assim como, nas receitas de transferências de 5,85%, e no total geral das receitas de 7,13%. Isso mostra o equilíbrio econômico-financeiro que falamos”, afirma Polis.

Marca de 20 mil CNPJs, empregos e imigrantes

Ele ressalta que Erechim atingiu a marca histórica de 20 mil CNPJs ativos entre pequenas, médias e grandes empresas. “Esta é a nossa força de tração, somos a Capital da Amizade e do trabalho. Temos seis empresas se instalando no novo Distrito Industrial Giácomo Madalozzo localizado no bairro Industrial Davide Zorzi. Erechim tem 2 mil vagas abertas de empregos, vagas que não estão sendo preenchidas”, comenta Polis.

Isso que o município está acolhendo, ressalta o prefeito Polis, muito bem, com respeito, humanidade e dignidade as famílias de imigrantes que chegam em Erechim. “A prefeitura oferece qualificação profissional via CEJA, hoje, temos 250 imigrantes em capacitação sendo preparados para se inserir no mercado de trabalho. No site da prefeitura, tem o ‘Erechim Sem Fronteiras’, que traz muitas orientações aos imigrantes, inclusive em três idiomas, espanhol, inglês e francês”, observa o prefeito Polis.

Cultura e lazer

“A prefeitura entregou o Centro Cultural 25 de Julho, totalmente, revitalizado, a maior requalificação da sua história, desde que foi inaugurado em 1983, com investimentos que passam de R$ 1,5 milhão. Modernização que a comunidade cultural aguardava. Uma cidade que está em pleno emprego, trabalha muito, também precisa de lazer e entretenimento, precisa de cultura, isto é fundamental”, comenta o prefeito Polis.

Educação

Na Educação municipal, comenta o prefeito, Paulo Polis, é importante destacar a evolução, os números positivos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). “Graças ao trabalho conjunto de servidores, secretários e os profissionais da educação os recursos do fundo vêm aumentando ano após ano. No passado, Erechim era devedor do Fundeb. Em 2023, o município contribuiu com mais de R$ 38 milhões e recebeu de volta mais de R$ 53 milhões, isto é, tivemos resultado positivo superior a R$ 14 milhões, maior que os R$ 13 milhões de 2022, isso porque estamos colocamos mais crianças nas escolas. A regra é quanto mais alunos nas escolas, mais recursos do Fundeb o município vai receber. Só neste ano são mais 1600 alunos”, enfatiza Polis.

“Com trabalho coletivo, parceria Executivo e Legislativo, investimentos em áreas estratégicas, em escolas, UBSs, Santa, novo distrito e condomínio industrial, qualificação profissional e empresarial, usina de asfalto e solar, obras em praças e bairros, olhando o contexto geral da cidade, priorizando o bem-estar das pessoas, fortalecemos a força de tração de Erechim, que é estruturada na amizade, no trabalho e empreendedorismo do nosso povo”, ressalta o prefeito, Paulo Polis.

 



Comments


bottom of page