top of page

DENUNCIE - Prefeitura alerta que abandono e maus tratos de animais são crimes sujeitos à prisão


A Prefeitura de Erechim, através da Diretoria de Bem-Estar Animal da Secretaria de Meio Ambiente, reforça à população que abandono e maus tratos cometidos contra animais são crimes passíveis de dois a cinco anos de prisão em regime fechado.

Nas últimas semanas, a Diretoria de Bem-Estar Animal (DBEA) recolheu 19 filhotes, além das cachorras que foram abandonados e que hoje estão em lares temporários disponíveis para adoção.

Porém, conforme destaca o diretor da DBEA, Thunay Lopes, essa prática do abandono é crime. “Estamos novamente nos deparando com uma triste situação recorrente no período das festas, férias e finais de ano. Um número expressivo de animais vem sendo abandonado pelas pessoas que acreditam que os seres vivos possam ser descartados dessa forma desumana e cruel”, enfatiza o diretor.

Os animais encontrados pela equipe foram recolhidos próximos ao Parque Longines Malinowski, em frente ao Centro de Acolhimento e Proteção aos Cães, em casas desocupadas, entre outros locais.

Punição para tutores que praticarem crime

“Além desse número expressivo de filhotes, também foram resgatados com o apoio da Polícia Civil, alguns animais adultos, que através da verificação da microchipagem foi possível identificar os tutores e penalizá-los de acordo com a lei que prevê crime de reclusão à prática do abandono e maus tratos contra os animais”, disse Thunay.

Ainda, alguns animais estavam em situação de mutilação, sendo que os responsáveis pelo crime foram punidos no devido rigor da lei.

Mais de 50 animais para adoção

Hoje, o cenário em Erechim aponta para mais de 50 animais disponíveis para adoção, que foram recolhidos pela Prefeitura, castrados, vacinados e microchipados. Destes, 32 estão no Centro de Acolhimento, outros na Unidade de Referência Animal (URA) e outros em lares temporários, devido a logística de espaço para acolher estes animais.

Canais para denúncia

A Prefeitura ainda faz um apelo à população. Se presenciar qualquer situação de abandono ou maus tratos, a comunidade deve fazer uma denúncia através dos canais da DBEA, Patrulha Ambiental de Erechim (Patram) ou Polícia Civil:

Patram - 3519-9723

DBEA - 99260-4910

Polícia Civil - 3522-1000; 3522-4583; 3520-4586; 3520-4576

--

Σχόλια


bottom of page