Comitê debate sobre a vacinação contra a Covid-19 em Erechim

Em um primeiro momento, os membros do Comitê estimam que serão disponibilizadas, nesta primeira fase, um número muito baixo de vacinas para Erechim.

Na manhã desta sexta-feira (15) o Comitê Covid esteve reunido na Secretaria de Saúde para debater sobre a futura vacinação contra a Covid-19. Estiveram presentes na condução dos trabalhos, a secretária da Saúde, Eclesan Palhão, o vice-prefeito, Flávio Tirello, o secretário geral de Governo, Edgar Marmentini e a presidente da Câmara de Vereadores, Ana Oliveira.

Num primeiro momento, os membros do Comitê analisaram os números de doses disponíveis num universo nacional e estadual e, estimam que serão disponibilizadas, nesta primeira fase, um número muito baixo de vacinas para Erechim. Ainda, o Comitê reafirmou que seguirá o Programa Nacional de Imunização e o que preconiza o Ministério da Saúde em relação a essa demanda.

Para esta fase, que deve ter início na próxima semana, serão vacinados os grupos prioritários, sendo idosos institucionalizados em lares e abrigos e os profissionais de saúde, que estão na linha de frente de combate à Covid.

“Nossa meta é que todos sejam vacinados, porém de forma escalonada e de acordo com a disponibilização de doses pelos governos Federal e Estadual. Vale lembrar que se as doses chegarem em Erechim na próxima quarta-feira estaremos preparados”, explica a secretária da Saúde.

Cuidados de prevenção devem ser mantidos

Ainda, os membros do Comitê foram categóricos ao reforçar que, mesmo que se inicie a vacinação, os cuidados para prevenção à doença devem ser mantidos em sua totalidade. “A vacinação não é a cura da Covid. Temos que continuar nos cuidando, usando máscara, realizando higienização constante e cuidando as medidas de distanciamento”, pontua Eclesan.

A titular da pasta da Saúde também destacou que o município já está com todas as salas de vacinação cadastradas. Também, já existe uma articulação em toda a rede de refrigeração para armazenamento das doses. Além disso, assim que for publicada a Norma Técnica será feita a capacitação para a vacinação.

“Vale reforçar que não temos ainda como estimar quantas doses o município de Erechim vai receber. Os números exatos serão divulgados pela 11ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) na próxima semana”, finaliza a secretária.