top of page

Colégio Marista Medianeira recebe visita da escritora Léia Cassol


O momento faz parte do projeto “Ora leitor, ora escritor”


Em 2023, o Colégio Marista Medianeira colocou em prática o seu mais novo projeto literário: “Ora leitor, ora escritor", que tem como objetivo encantar os estudantes pela literatura e estimular a leitura, a escrita e a apreciação de todo o universo de possibilidades que envolve o livro. O projeto contempla as crianças da Educação Infantil ao 6º ano do Ensino Fundamental e envolve as seguintes etapas: Aquisição de obras literárias da autora e escritora Léia Cassol, selecionadas e organizadas pelas professoras de acordo com as idades e o ano escolar dos estudantes; Leitura e exploração das obras literárias selecionadas e adquiridas; Conhecimento e interação com a autora, por meio da sua visita presencial ao Colégio; e Construção de obras literárias pelos próprios estudantes e a sua edição e transformação em livros pela Estante Mágica, parceira do Colégio neste projeto. Após o término do projeto, os estudantes receberão uma unidade do seu próprio livro em formato impresso e digital, para que possam compartilhar com mais pessoas.

Na última sexta-feira, dia 30 de junho, os estudantes vivenciaram a terceira etapa do projeto: receberam a visita da escritora paranaense, mas que já mora no Rio Grande do Sul há 18 anos, Léia Cassol. Em sua visita, Léia autografou os livros de todos os estudantes participantes do projeto, além de realizar interações, momentos de contação de histórias e responder a dúvidas sobre sua carreira, suas obras, e seu estilo único de ser, afinal “porque será que ela tem o cabelo roxo?”. Essas e muitas outras dúvidas surgiram entre uma história e outra, envolvendo as crianças em um dia de muita literatura, poesia, música e imaginação.

Em sua fala, Léia contou aos estudantes ser uma pessoa muito curiosa, e afirmou que “quando somos curiosos, a gente interage, conhece e aprende”. “Sempre pesquiso muito para escrever minhas histórias, e já escrevi um livro a partir das ilustrações feitas por uma amiga, chamado “Labirinto”. Mas, se eu não encontro explicação para algo, eu crio uma história para poder explicar. E nunca esqueçam, crianças: as histórias dormem dentro dos livros e nos nossos corações”, disse a autora.

Para a Coordenadora Pedagógica da Educação Infantil e dos Anos Iniciais do Colégio, Daiane de Andrade, este foi um momento único e repleto de significados. "O prazer do deleite literário traz às crianças o contato com a arte, pois, a literatura permeia vivências, dando cores, formas, melodias e magia às infâncias. O contato com obras literárias, desde a mais tenra idade, oferta às crianças uma viagem ao imaginário de forma lúdica e, ao se apropriarem da linguagem escrita, amplia-se a produção criativa e as formas de ver e compreender o mundo. O mais encantador do encontro com Léia foi ver em nossos estudantes os sentidos aguçados: o brilho nos olhos, os ouvidos atentos às histórias, os sorrisos radiantes e a vibração na interação com a autora", destacou.

Mais sobre a autora: Léia Cassol é escritora de literatura infantojuvenil, com mais de 80 livros publicados, e contadora de histórias há 25 anos. Sua paixão pela tradição oral é uma herança do seu pai, que lhe contava histórias quando era bem pequena. Na escola descobriu a biblioteca e o mundo possível e impossível que há nos livros. Sua obra é repleta de valores que dialogam com o coração e fazem pensar, buscando desenvolver no leitor as competências socioemocionais.

bottom of page