top of page

Cervejaria erechinense Bota Amarela recebe prêmio nacional na Copa Cerveja Brasil



É a primeira vez que uma cervejaria de Erechim participa deste concurso e é condecorada com medalha de ouro no requisito estilo e prata no Best of Show com a cerveja Rauchbier (Que Fumaceira!)


A Prefeitura de Erechim, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, apoia a fabricação das cervejarias locais. O Tour Cervejeiro é um exemplo de projeto que incentiva este trabalho, apresenta a história e as peculiaridades de cada uma das cervejas produzidas em Erechim de forma artesanal.

Medalha de ouro e prata

“Ficamos felizes em saber que a Cervejaria Bota Amarela, genuinamente erechinense, recebeu prêmio nacional na Copa Cerveja Brasil, concurso promovido pela Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva), em Curitiba (Paraná). É a primeira vez que uma cervejaria daqui participa deste concurso e é condecorada com medalha de ouro no requisito estilo e prata no Best of Show com a sua cerveja Rauchbier (Que Fumaceira!). Em nome do prefeito Polis e da equipe da secretaria, parabenizamos todos integrantes da Cervejaria Bota Amarela por esta grande conquista”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, Emerson Schelski.

Primeira vez

Segundo o gerente comercial da Cervejaria Bota Amarela, Ronaldo Martins, é a primeira vez que uma cervejaria de Erechim recebe um prêmio de nível nacional. “Foi uma grande conquista receber um prêmio profissional, desta magnitude, e na primeira vez que participamos. Estamos muito felizes. Somos novos no meio cervejeiro e acreditamos que o prêmio abrirá muitas portas. É difícil para uma cervejaria do interior conseguir espaço no mercado, e este reconhecimento confirma que estamos no caminho certo, fazendo cervejas de qualidade a nível nacional”, observa o gerente comercial.

Premiada - A Rauchbier

O cervejeiro, Guilherme Pegoraro, comenta que participaram desta etapa do concurso 394 amostras de várias cervejarias da região sul do Brasil. “A Bota Amarela foi a segunda melhor, de todo concurso, com a cerveja: A Rauchbier. Ela é ousada e saborosa, com um caráter defumado distintivo, tem notas de malte caramelizado combinando com um toque defumado marcante, em uma experiência rica e cativante. Possui 5,6% de álcool, cor cobre escuro e um amargor moderado”, explica o cervejeiro.

Origem

Eles contam que a Cervejaria Bota Amarela surgiu com a intenção de proporcionar cervejas de qualidade. “Das panelas para as garrafas, aperfeiçoando e aprimorando as receitas. Com o tempo foram desenvolvidos diversos estilos. A inovação faz parte da nossa origem, por isso, lançamentos e estilos sazonais sempre estarão presentes. O nome Bota Amarela surgiu de um copo Das Boot ou Beer Boot (em formato de Bota) que ganhamos de um amigo. Após encher o copo com cerveja, notou-se que ele ficava amarelo, logo uma Bota Amarela. Esse nome também é remetido aos colonizadores de Erechim, pela cor característica que a terra deixava em suas botas”, relatam eles.

A produção atual é de 7 mil litros de cerveja mensais, distribuídos para toda região do Alto Uruguai, de vários estilos, entre eles, German Lager, Amber Ale, Weiss (trigo), Witbier, Red Ale, Pumpkin Ale, Stout, APA, IPA, a nossa medalhista Rauchbier, entre outros. Para acompanhar as novidades da Cervejaria Bota Amarela, basta seguir ela nas redes sociais: Instagram e Facebook: @botaamarelabier.


Comments


bottom of page