Centro de Referência às Mulheres inicia atendimentos



A Prefeitura de Erechim, através da Secretaria de Assistência Social, conta com mais um órgão vinculado a pasta para atendimento às mulheres vítimas de violência. O Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) está agora vinculado a Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres do município, sob a coordenação da assistente social, Tatiane Uecker.

Conforme explica a coordenadora, o CRAM é um espaço destinado a prestar acolhimento e atendimento humanizado às mulheres em situação de violência, proporcionando atendimento psicológico, social e orientação para encaminhamentos jurídicos necessários à superação da situação de violência, contribuindo para o fortalecimento da mulher.

“Trata-se, de um local estratégico da política de enfrentamento à violência contra as mulheres que desenvolve seu trabalho por meio de uma atuação articulada com a rede de proteção as mulheres de Erechim”, pontua Tatiane Uecker.

A secretária de Assistência Social, Clarice Moraes destaca a importância deste atendimento especializado no município. “Sabemos da necessidade que temos diariamente em promover ações de combate a violência e, para além de trabalhar a prevenção é necessário acompanhar essas mulheres e assim reinseri-las no mercado de trabalho, para que possam emancipar-se financeiramente e emocionalmente, assim como também proporcionar esse suporte que é tão importante como o jurídico, social e psicológico”, finaliza Clarice Moraes.

O CRAM, está localizado juntamente à Coordenadoria da Mulher aos fundos do Fórum, na Rua Benjamin Mosena, 181, bairro Bela Vista.

Para mais informações e contato com o CRAM é preciso ligar para o telefone 3520.7102.