CAOL celebra 24 anos no dia 4 de agosto


O endereço que já é referência para apoio a pacientes com câncer e familiares, comemora seu aniversário com programação especial.




O Centro de Apoio Oncológico Luciano – CAOL, completa 24 anos de existência no próximo dia 4 de agosto. A entidade sem fins lucrativos oferece apoio, abrigo e acompanhamento a pessoas portadoras de câncer abrindo suas portas às demandas do Município e da Região. Em sua sede, localizada no Bairro Espírito Santo em Erechim, recebe pacientes e seus acompanhantes numa estrutura acolhedora que se assemelha aos ambientes residenciais familiares. O formato tem o objetivo de favorecer e incentivar relações e tornar a passagem dos usuários pela “casa apoio” o mais humanizada possível.

O trabalho desenvolvido conta com profissionais capacitados, com parceiros e voluntários que desenvolvem durante o ano todo uma programação bastante diversificada com atividades voltadas aos usuários de todas as idades e sexos que buscam o local. Aspalestras com temas amplos, as comemorações de datas específicas, os atendimentos de reiki e de beleza, as oficinas de artesanato, culinária, corte e costura, tricô, dentre outras atividades, resultam em benefícios coletivos e individuais.

A área de mais de mil metros quadrados construídos conta com confortáveis dormitórios (masculinos e femininos) com capacidade para 50 pessoas cada,equipada cozinha e amplo refeitório, salas de convívio e de atendimentos, banheiros e área de lazer externa, além de outros ambientes administrativos. Uma estrutura completa que já acolheu em torno de 19.500 pessoas desde sua implantação.


Programação especial de aniversário

Dia – 4 de agosto (quinta-feira)

10h - Visita com o mascote CAOLITO na FHST e Hospital Santa Mônica

11h30 - Homenagem aos pais

12h15 - Almoço especial comemorativo ao aniversário e ao Dia dos Pais

13h30 - Homenagem aos 24 do CAOL e aos voluntários.



Histórico

O projeto teve início em 15 de abril de 1998 com a reunião de um grupo convidado por Marilene Rigo, mãe de Luciano Rigo

Berndsen que dá nome à casa e que faleceu de câncer aos 17 anos. Após a partida do filho, movida pelo objetivo de oportunizar apoio, informação e conforto aos portadores de câncer, Marilene uniu pessoas em torno da sua causa e transformou o CAOL em realidade. Sua iniciativa multiplicou os que comungassem da ideia de trabalharvoluntariamente em prol dos que ali buscassem suporte. Os slogans e identidade visual criados para a entidade levaram a comunidade a identificá-la e vê-la como referência. Inicialmente instalado em local alugado, com o trabalho da diretoria e de voluntários, em 2003 iniciou-se a construção da atual sede do CAOL em um terreno de 1.700 m².


Objetivos gerais

- Acolher usuários e seus familiares em tratamento de câncer do Município e da Região,garantindo proteção integral;

- Contribuir para a prevenção do agravamento de situações de negligência, violência ouruptura de vínculos;

- Restabelecer vínculos familiares e sociais;

- Possibilitar a convivência comunitária;

- Promover acesso à rede sócio assistencial, aos demais órgãos do Sistema de Garantia deDireitos e às demais políticas públicas setoriais;

- Favorecer o surgimento e o desenvolvimento de aptidões, capacidades e oportunidadespara que os indivíduos façam escolhas com autonomia;

- Promover o acesso às programações culturais, de lazer, esporte e ocupacionais internas eexternas, relacionando-as a interesse.



Centro de Apoio Oncológico Luciano – CAOL

Endereço: Rua 20 de Setembro, nº 68, Bairro Espírito Santo

Fone: 3519-3344