Audiência pública aponta problemas e sugere melhorias ao estacionamento rotativo em Erechim




Foi realizada na manhã desta quinta-feira (15), no plenário da Casa Legislativa, a audiência pública online que tratou sobre o estacionamento rotativo no município. A atividade, proposta e conduzida pela vereadora Sandra Picoli (PCdoB), tinha por finalidade esclarecer dúvidas e problemas frequentemente relatados por usuários, bem como propor algumas melhorias no serviço. Além da parlamentar, compuseram a mesa da audiência a presidente Ana Oliveira (MDB), o presidente da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Municipais de Erechim (Ager), Valdir Farina, o gestor contratual do Poder Executivo, Jonathan Medeiros, o gerente da empresa Stacione – responsável pelo serviço –, Valdecir Pereira, e o representante jurídico da empresa, Marcelo Gonçalves, além do consultor técnico Rafael da Rosa, que participou de forma remota. Em virtude do cumprimento dos protocolos de distanciamento social, a participação do público e da imprensa se deu através da transmissão da atividade pela TV Câmara.


Na ocasião, diversas questões referentes ao funcionamento do estacionamento rotativo foram levantadas, em especial sobre o sistema de cobrança de tarifas do serviço, que tem sido alvo de críticas por parte da comunidade. Além dos questionamentos encaminhados pela população e pelos veículos de comunicação, os vereadores Ale Dal Zotto (PSB), Carlinhos Magrão (PSDB), Claudemir de Araújo (PTB), Juares Bernardi (PSB), Jurandir Pezzenatto (MDB) e Wallace Soares (PSDB) contribuíram para o debate. Também foram abordadas a possibilidade de expansão do serviço para mais bairros de Erechim, bem como a necessidade de emissão de comprovante do tempo de tolerância no ato da compra do crédito e no aplicativo. Outra sugestão considerada durante a audiência diz respeito à conversão dos valores das multas para serem repassados a entidades e/ou investidos em melhorias no trânsito e em campanhas de conscientização e formação.


Para a vereadora Sandra Picoli, é de extrema importância a promoção deste tipo de debate aberto e transparente, possibilitando a participação de todas as partes interessadas. “Conseguimos elencar várias propostas, a empresa sentiu onde é necessário que se façam as melhorias, e, a partir de agora, vamos formalizar essas solicitações a serem encaminhadas tanto para o Poder Executivo quanto para a Ager e a empresa Stacione”, afirma a parlamentar, reforçando a necessidade de que o público seja sempre ouvido e contribua para o debate. “O interesse coletivo deve prevalecer. Muitas das reclamações que trouxemos hoje são um consenso de quem utiliza o serviço e estes problemas precisam, sim, ser solucionados”, completa.


A íntegra da transmissão da audiência pública pela TV Câmara Erechim pode ser acessada em: https://www.youtube.com/watch?v=mqIOFU6Og_M