top of page

Agricultura Familiar é premiada em Concurso de Produtos na Expointer

Entre os premiados estão indústrias do Alto Uruguai


Queijo colonial, doce de leite, vinho e suco, salame e linguiça, mel, melado e cachaça. Esses produtos foram apreciados e julgados durante a semana e, na manhã desta quinta-feira (31/08), premiados no 11º Concurso de Produtos da Agricultura Familiar, realizado logo após a solenidade de abertura do 25° Pavilhão da Agricultura Familiar na 46ª Expointer, que acontece até domingo (03/09), em Esteio. Os vencedores (1°, 2° e 3° lugares) receberam placa.


Agroindústrias da Região Alto Uruguai se destacaram e ficaram entre os primeiros colocados. Na disputa de melhor salame tipo italiano, o primeiro lugar ficou com a agroindústria Dalla Vechia, de Erechim, que já havia conseguido o segundo lugar no ano passado, nessa mesma categoria.


Promovidos pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e Emater/RS-Ascar, participaram dos concursos agroindústrias familiares que expõem e comercializam na Expointer. “O objetivo é valorizar os produtos da agroindústria familiar e incentivar a melhoria contínua”, ressalta Bruna Bresolin, engenheira de alimentos da equipe de Agroindústrias da Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR), ao citar, como critérios avaliados os aspectos visuais, sabor e aroma.

A jovem empreendedora Daniela Arnold, da Agroindústria Viz Embutidos, de Presidente Lucena, é uma das premiadas no Concurso. A empresa foi fundada por ela e pelo marido Moisés, e no primeiro ano de participação na Expointer, é premiada no terceiro lugar na categoria Salame Tipo Italiano. “É uma felicidade muito grande participar e sair premiados. No nosso município, temos o apoio da Emater, através da extensionista Marta Elena Levien, que nos incentiva bastante. Estamos aqui hoje porque ela nos incentivou, assim como para nossa participação aos sábados na feira do município”, celebra a empreendedora.

PREMIADOS

SALAME TIPO ITALIANO

1° LUGAR Dalla Vecchia, de Aratiba, banca 86

2° LUGAR Embutidos Fioresi, de Tupanciretã, banca 249

3° LUGAR Viz Indústria de Embutidos, de Presidente Lucena, banca 196

LINGUIÇA DE CARNE SUÍNA DEFUMADA

1° LUGAR Embutidos Mohr, de Arroio do Tigre, 50

2° LUGAR Embutidos Hermes, de Arroio do Tigre, 171

3° LUGAR Weber Embutidos, de Não-Me-Toque, 189

CACHAÇA PRATA

1° LUGAR Casa Bucco, de Bento Gonçalves, 75

2° LUGAR Destilaria Alto da Cruz, de Canguçu, 311

3° LUGAR Velho Alambique, de Santa Tereza, 225

VINHO TINTO DE MESA SECO

1° LUGAR Adega Carrini, de Cacique Doble, 111

2° LUGAR Vinícola Lorenzet, de Flores da Cunha, 163

3° LUGAR Vinhos Zanivan, de Floriano Peixoto, 200

SUCO DE UVA INTEGRAL

1° LUGAR Coopernatural, de Picada Café, 89/90

2° LUGAR Vinícola De Cézaro, de Farroupilha, 231

3° LUGAR Orgânicos Mariani, de Garibaldi, 30

MEL

1° LUGAR Apis Gramado, de Gramado, 147

2° LUGAR Apicultura Rempel, de Campinas do Sul, 176

3° LUGAR Vivaflor, de São João da Urtiga, 121

QUEIJO COLONIAL

1° LUGAR Granja Cichelero, de Carlos Barbosa, 165

2° LUGAR Laticínios Pipo, de Nova Roma do Sul, 76

3° LUGAR Laticínio Ruppenthal, de Gramado, 179

DOCE DE LEITE

1° LUGAR Estrelat, de Estrela, 208

2° LUGAR Queijaria Tradição, de Nova Petrópolis, 150

3° LUGAR Dah Rê, de Salvador das Missões, 73

MELADO

1° LUGAR Rodeio da Figueira, de Candelária, 34

2° LUGAR Doces Silva, de Santo Antônio da Patrulha, 226

3° LUGAR Poroth Produtos Coloniais, de Vera Cruz, 19

コメント


bottom of page