top of page

Abrigo Cidadão traz dignidade para pessoas em situação de rua




Com a chegada do inverno, muitas pessoas em situação de rua sofrem com as consequências do frio. Para auxiliá-las, a Secretaria de Assistência Social conta com o Abrigo Cidadão, que dispõe de 26 vagas para receber aqueles que necessitam. Segundo a secretária de Assistência Social, Clarice de Moraes, a pasta também conta com a Ronda Cidadã que envolve equipes da Secretaria, do Abrigo Cidadão, da Defesa Civil e da Força Voluntária Alto Uruguai. “Desde o início dos dias mais frios, mesmo antes da chegada do inverno, o trabalho é intenso de localização e ajuda a moradores de rua e de outras pessoas que enfrentam problemas para se agasalhar e de se alimentar”, disse. O município também mantém convênio com um hotel para casos em que as vagas dispostas no abrigo estejam ocupadas em sua totalidade. Segundo a secretária de Assistência Social, também existe situações onde as pessoas optam por não adentrarem ao local “As pessoas abordadas na rua que optam por continuar onde estão, recebem cobertores, agasalhos e comida. Nosso trabalho é oferecer as vagas do Abrigo Cidadão, mas caso as pessoas não queiram ir até lá, dispomos de atendimento no local ao qual elas estiverem”, explica. O objetivo não é retirar as pessoas de onde elas estão sem que essas estejam de acordo. “Não obrigamos ninguém a ir até o Abrigo Cidadão. A opção é da pessoa. Nosso trabalho é conscientizar que temos esse espaço para se abrigar do frio, com alimentação, banho quente e um espaço para pernoitar. Caso a pessoa não queira dispomos do que ela necessita para que não passe frio nem fome ”, pontua a secretária, lembrando que a ajuda da comunidade é fundamental para identificar e atender a todos que precisam. Saiba mais e ajude Se você encontrar uma pessoa em situação de rua, com frio e fome e que exige intervenção do Poder Público, pode acionar a equipe do Abrigo Cidadão pelos telefones 3520-7049 ou 99161-5973, que os colaboradores irão se dirigir até o local para o atendimento necessário. --

Comments


bottom of page