23ª Feira do Livro – Viva o seu Tempo integra a Frinape 2022



Foi realizada na manhã deste sábado (12), a abertura oficial da 23ª Feira do Livro de Erechim, integrando a Cidade da Cultura – Viva o seu tempo! - Frinape 2022. Estiveram presentes o prefeito de Erechim, Paulo Polis, o presidente da Câmara de Vereadores, vereador Ale Dal Zotto, a secretária de Cultura e Esporte, Carla Talgatti, o presidente da ACCIE, Fábio Vendruscolo, a coordenadora da Cultura da Frinape 2022, Sandra Mariga Bordini, entre outras autoridades.

O patrono da Feira do Livro do ano passado, maestro Gleison Wotcziekowski passou o sino ao patrono desta edição, professor Neivo Zago, que abriu oficialmente a 23ª Feira do Livro de Erechim. O patrono e membros da Academia Erechinense de Letras (AEL), entregaram aos presentes livros de autores locais, como forma de estimular a leitura e a formação de leitores. O patrono discursou emocionado e falou da importância dos livros. “A emoção é de eu estar no meio das pessoas, que aquecem a ideia da Feira do Livro e de estar no meio dos protagonistas, que são os livros. Que possamos divulgar mais a leitura, a fala e a escrita”, destacou. Além do patrono, Ermindo Silva é o homenageado desta edição, como forma de enaltecer a contribuição deles para a literatura e a cultura erechinense.

A secretária de Cultura e Esporte, Carla Talgatti, agradeceu o envolvimento de tantas pessoas. “Essa Feira do Livro é feita por muitas mãos, por gente que se dedicou, que engrandece e cultua a nossa literatura”, destacou a secretária.

O funcionamento da Feira do Livro será 12 a 20 de novembro, nos dias de semana das 14h às 22h e sábados, domingos e feriado, das 10h às 22h. Além disso, estão marcados lançamentos de livros, e-books e pré-lançamentos no domingo (13), terça-feira (15) e sábado (19), às 15 horas.

O prefeito de Erechim, Paulo Polis, anunciou que o planejamento da próxima Feira do Livro já começou, e que ela deve ser antecipada para o mês de abril, junto as festividades de 105 anos de Erechim. “Nossa próxima Feira do Livro já está sendo planejada, como forma de estimular a literatura, a cultura e os escritores de Erechim. Esse é nosso compromisso, para termos menos pessoas dependendo dos celulares e aproveitando tantos bons livros”, comentou o prefeito.

--